As Coisas…

Ando pensando na vida, na morte, nos significados de ambos…
Ando por aí, refletindo sobre a impermanência das coisas… e descubro que elas ficam.
Nós é que vamos…

A bengala, as moedas, o chaveiro,a dócil fechadura, as tardias notas que não lerão os poucos dias que me restam,os naipes e o tabuleiro,um livro e em suas páginas a ofendida violeta, monumento de uma tarde, de certo inesquecível e já esquecida, o rubro espelho ocidental em que arde uma ilusória aurora.
Quantas coisas, limas, umbrais, atlas e taças, cravos, nos servem como tácitos escravos, cegas e estranhamente sigilosas!
Durarão muito além de nosso olvido: e nunca saberão que havemos ido.
(Jorge Luis Borges)

 

Numa tradução perfeita de Ferreira Gullar

Anúncios
Categorias: Outro Fala Por Mim, Poesia & BelosTextos | Tags: | 7 Comentários

Navegação de Posts

7 opiniões sobre “As Coisas…

  1. Primorosa tradução!
    Por isso penso que devemos fazer do livro de nossas vidas algo único. Só assim alguns saberão que “havemos ido”.
    Um grande beijo Nora e que bela escolha.

  2. Lindo.

  3. Rosinha (Rosa Andrade Canuto Couto)

    Querida Nora,
    quanto tempo… estou feliz em ler suas belas “palavras vividas” e mais ainda por lhe revê e na Espanha, que chique! Espero que estejas muito feliz.
    Queria lhe dizer, hoje, que você foi uma pessoa muito importante para minha vida profissional com sua coragem e determinação em fazer as coisas acontecerem e nelas sempre trazendo a poesia da vida.
    Estou hoje muito feliz ao lado de um grande companheiro e maravilhoso homem é aquele que pedalava e foi no seu divertido aniversário dos 40 anos, lembra? Meu amando, Ademilton, e temos dois filhos lindos, seres iluminados, Lara com 8 anos e Igor com 3 meses. Trabalho no Grupo Libertas desempenhando tudo aquilo que vivemos no Grupo Othon e um pouco mais.
    Beijinhos na alma,
    Rosinha
    (sua estagiária)

  4. nora borges

    Rosinha, minha linda! Que maravilha ler sua mensagem. Estou te respondendo por e-mail, ok?
    Muitos beijos!

  5. Oi Nora,
    Estou de volta.
    Tres semanas em Portugal foi bom demais e tambem andei pela Espanha, mas so nas cidadezinahs(povoados) proximos a Portugal.
    Bjos,
    ME

  6. Tão lindoler esse texto com a musica por trás, Nora. Adoro vir aqui, pena que tenho tão pouco tempo pra ver todas as pessoas queridas que estão na internet…
    Beijo grande, boa semana pra você, querida.

  7. Uma licença poética disso tudo está em meu último courrieur: “Das coisas como entidades sentimentais”, que é um tema original do (espanhol) Ortega Y Gasset.
    Amitiés,
    BetoQ.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s