“Velho é uma conquista. Idoso é uma rendição”.

Essa frase é muito boa. Está neste texto aqui

http://revistaepoca.globo.com/Sociedade/eliane-brum/noticia/2012/02/me-chamem-de-velha.html

Essa moça, a Eliane Brum, ainda não sabe o que é ficar velha… porque ainda está perto dos 50. Verá, quando passar dessa marca do meio século. A diferença é palpável! Digo eu. Mas eu gosto que ela escreva essas coisas porque prepara muita gente para uma realidade que chega, queiramos ou não. E eu quero que chegue. É preciso que a gente a receba sem complexos, com reconhecimento do privilégio, com agradecimento. Quem não fica velho é um zumbi da vida ou uma pessoa que não teve a sorte de sobreviver aos riscos e morre jovem. Que pena!
…………………………………………………………………………
Aqui os velhos tem uma palavra melhor que idoso, aqui velho é gente grande, é um “mayor” e asilo se chama “residencia”. Não parece que muda muita coisa, mas muda o conceito. E isso é importante!
………………………………………………………………………..
barbie 2
Eu concordo com tudo que Eliane disse. Nossa sociedade não cuida dos seus velhos. E menos ainda de suas velhas. Homens podem envelhecer mais tranquilamente do que mulheres.
Admiro os povos que valorizam seus velhos, lhes consideram sábios, falam com eles, pedem conselhos, escutam suas histórias. Eu adoro conversar com os velhos da família… descubro tantas coisas! E quanto mais velha eu fico, mais tenho coisas pra contar. Acho que estou ficando mais interessante. De cabeça.
( Tá! sem muita memória das pequenas coisas do dia, mas com uma memória histórica do importante da minha vida. Hahahahaha! Isso é bom?)
…………………………………………………………………………
Pois é… e tem o físico também. Claro que NÃO gosto das mudanças no meu corpo, mas o povo de fora de mim não o vê tão ruim como eu vejo. Diz que estou bonita. Ontem até escutei um “que bonita eres!” no meio da rua, vindo de um desconhecido que passava de bicicleta. Olhei em volta pra ver se havia “outra” por perto, mas não, era pra mim mesmo! Fiquei ancha!
Meu pirata diz sempre. Mas o povo dentro de mim não escuta. É uma luta!
…………………………………………………………………………
E lá vou eu para a Hidroginástica. Lutar sem “joder” os joelhos.

Anúncios
Categorias: Outro Fala Por Mim, Pensando Alto, Uncategorized | Tags: , , , | 5 Comentários

Navegação de Posts

5 opiniões sobre ““Velho é uma conquista. Idoso é uma rendição”.

  1. Daniela

    Nora, que delícia de ler. Confesso que a velhice me assusta e menos porr essas questões estéticas (embora minhas quatro rugas realmente me incomodem) e mais pela constante lembrança da minha efemeridade. Você realmente é linda. Espero chegar aos 50 tão linda e plena como você.

  2. Já passei dos cinquenta e o que mais me impressiona é a distância entre o meu corpo, a mente e a imagem que tenho de mim. Creio que isso só vai se agravar, com o tempo. Teimo em me sentir muito jovem, mas a vitalidade física está indo… Só faço rir!
    Gostei muito do post, parabéns!

  3. Tata

    Quando eu estava aih, vi varios lugares com isso escrito “Residencia de Mayores”, agora entendi 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s