Posts Marcados Com: Paul Auster

Recuerdos…

Férias…


Lendo Paul Auster em Tarifa. La Invención de la Soledad.

Auster é minuncioso na descrição do pai morto…
Traz-me de volta doídas lembranças.
O Lorde, meu pai, aparece a cada segundo em minha lembrança durante a leitura da primeira parte do livro: O Homem Invisível.
Entre os murmúrios do vento e das ondas que lambem a fina e branca areia tarifenha, gaivotas gritam o nome dele e me transportam para outros ventos, outro mar, outros tempos.

Quanto de compaixão será necessário para entender, ou apenas esquecer, sua estranha e cruel forma de amar?

Categorias: Livros, Pensando Alto | Tags: , | 13 Comentários