Posts Marcados Com: Rua

Catando a poesia deitada no chão…

Em Madrid há gente que mora nas ruas, como em todas as cidades grandes.
Gente que, por algum motivo – ou por vários, abandonou a vida que tinha… ou foi abandonada por ela.

Gente que dorme entre caixas de papelão, portadas de edifícios ou abrigos da prefeitura.

Eu vejo alguns, de vez em quando…

…mas esse era diferente.
Madrid-2009

Ele escolheu a calçada do Teatro Real de Madrid como cama, suas grades como armário… e um livro como companheiro na fria manhã de Inverno.
Um livro de páginas amareladas e sem capa… um livro!

Eu passo rente à sua manta azul, uma e outra vez, com uma vontade imensa de abordá-lo.
Queria perguntar quem é, de onde vem, o que houve para que esteja aí, entregue a intempérie ?
Queria dar-lhe algum dinheiro para o café, o pão, o leite.
Mas ele não parece um mendigo.
Vejo de soslaio uma barba grisalha, limpa e bem cortada… a mão que sustenta o livro aberto, também limpa.
Tive vergonha de incomodá-lo.

 

Faz mais de uma semana que penso nele…

Categorias: Cotidiano das ruas, Pensando Alto | Tags: , , , | 7 Comentários